Breves, 27 Agosto 17

Por: A.F.

O Brexit pode dar uma valente indigestão. A Universidade de Sussex publicou um relatório que expõe as fragilidades a que os britânicos estão expostos após a saída da EU. Em “A Food Brexit: time to get real” reflete-se sobre a alimentação no Reino Unido, que apenas consegue produzir entre 54% e 61% daquilo que consome, sendo que uma grande parte (não qualificada) do trabalho existente na cadeia alimentar é assegurado por imigrantes muitos deles oriundos da Europa. Outro fator relevante é que 31% das importações alimentares do reino têm origem no mercado europeu, em particular na área das frutas e legumes dos quais depende da importação e que em 2015 custaram 5150 milhões de libras.

Outra dor de cabeça será a segurança alimentar no país, que até aqui é assegurada por uma agência europeia sediada em Parma, onde um sistema de controlo científico de qualidade dos alimentos alerta de imediato os estados-membros quando existem falhas no circuito. O Reino Unido terá de criar o seu próprio organismo de segurança alimentar uma vez que além de frutas e legumes é também dependente de da importação de vinho, carne de aves, de bovino e de porco, e também de presunto e…bacon. Com a libra desvalorizada o english breakfast será mais caro. Depois todos irão ralhar só que talvez ninguém quererá ter a razão de assumir a indigesta votação.

Breves, 9 julho 17

Amadora

Os Recreios da Amadora são o palco da Amadora Mostra 2017 – Jovens Criadores de Teatro, entre os dias 7 e 9 de Julho, o Teatro dos Aloés acolhe outros três grupos de teatro, com espetáculos originais, para diferentes públicos, concebidos por jovens criadores teatrais, que escrevem os seus próprios textos e são capazes de trabalhar, sem rede, a partir do improviso. Hoje, às 16 horas, “A Princesa Aborrecida”, pelos Terceira Linha – Companhia de Teatro.

Breves, 6 julho 17

 Alter do Chão

Quinta-feiradia 6, pelas 10h, a Unidade de Cuidados na Comunidade de Alter do Chão prossegue a sua atividadeAtenção ao seu Pé”, na freguesia de Cunheira, no salão da Junta de Freguesia.

Trata-se de mais um rastreio e sessão de educação para a saúde sobre Diabetes e Pé Diabético, procurando-se encaminhar os utentes para as consultas de Pé Diabético desenvolvidas pelas enfermeiras de Família da UCSP de Alter do Chão.

Breves, 7 julho 17

Amadora

Os Recreios da Amadora serão o palco da Amadora Mostra 2017 – Jovens Criadores de Teatro. Entre os dias 7 e 9 de Julho (sexta-feira a domingo), o Teatro dos Aloés acolhe outros três grupos de teatro, com espetáculos originais, para diferentes públicos, concebidos por jovens criadores teatrais, que escrevem os seus próprios textos e são capazes de trabalhar, sem rede, a partir do improviso. Sessões: Sexta e sábado às 21.30 h. Domingo às 16 horas.

10€ (sujeito a descontos) Esta iniciativa é organizada pela Câmara Municipal da Amadora; Teatro dos Aloés; Delphos – Núcleo de Intervenção Cultural; Os Paus Mandados – Teatro de Improviso, e pela companhia de teatro Terceira Linha.

Hoje, às 21.30 h,  “Morrer é divertido” | Delphos – Núcleo de Intervenção Cultural .

Breves, 12 Fevereiro 17

Estremoz

Hoje, pelas 16 horas, na Sala de Exposições Temporárias do Museu Municipal de Estremoz vai decorrer a inauguração da exposição “Lixarte”, de João Concha.

João Concha é um alentejano com alma de artista. A sua criatividade e habilidade manual acompanharam-no ao longo da sua vida. Como cidadão sempre se preocupou com a reciclagem e com um modo de vida em equilíbrio com a natureza. Bem novo, começou a esculpir paus dando-lhe formas só por ele imaginadas.

Ao “descobrir” o ferro iniciou esta nova fase de criatividade em que a variedade das obras é de facto notável. Desde 2008 altura em que iniciou esta nova atividade já criou cerca de uma centena de peças. A mostra estará patente até 8 de abril de 2017.