Mythos da Mesopotâmia chegam à Amadora

hugo claro gilgameshA Galeria Municipal Artur Bual expõe, a partir de hoje, dia 7 de junho, a exposição de pintura de Hugo Claro, Mythos da Mesopotâmia. 

Uma performance de música de Sofia Sousa Claro e pintura de Hugo Claro narcaram a inauguração desta curiosa mostra patente até 8 de Julho


hugo claro gilgamesh2

Nas palavras do artista, esta mostra “é inspirada na Mitologia do Médio Oriente, mais especificamente na Mitologia Assírio-Babilónia. Os mitos de criação, o mundo dos deuses, os grandes deuses, as divindades siderais, os deuses das tempestades e dos ventos, as divindades do fogo, das águas, da terra, da vida humana, a relação entre os deuses e os homens e claro os heróis, sendo Gilgamesh uma das primeiras obras da literatura mundial, a figura que mais me marcou.”

Hugo Claro, um artista plástico natural de Oeiras, foi discípulo de Artur Bual, tendo realizado a sua primeira exposição de pintura em 1995. Influenciado pelo Expressionismo, com experiência e formação nas áreas do desenho, pintura, serigrafia, restauro de arte sacra, ofícios do espetáculo, escultura e tatuagem, apresenta um conjunto de obras relacionadas com o tema "Mythos da Mesopotâmia", uma reflexão contemporânea inspirada num legado com cerca de 5000 anos.

Exposição patente de 7 de junho a 8 de julho.

Entrada livre

CMA/cyberjornal, 7 Junho 2018

Para inserir um comentário você precisa estar cadastrado!