A história do Compasso ou o compasso da História ( 8 ) O Rito Escocês Antigo e Aceito - parte 1

maconCesar5Por: H.D.

O Rito Escocês Antigo e Aceito, surgiu na França, denominado como "o rito dos Stuart, da Inglaterra e da Escócia" , sendo a primeira manifestação maçónica em território francês no ano de 1649, mesmo antes da fundação da Grande Loja de Londres em 1717. A partir desta data , surgiram na França dois ramos distintos da Maçonaria. Um dependia da Grande Loja de Londres e um segundo , escocês , que não estava ligado a nenhum sistema obediencial, portanto autónomo . Viviam sob o antigo preceito maçónico de que os maçons tinham o direito de constituir lojas sem prestar contas de seus actos a uma autoridade , tendo o seguinte lema : "O Maçom Livre na Loja Livre". Em França As Lojas Escocesas eram a maioria. De facto até 1766, sómente três Lojas, entre as 487 existentes, tinham a patente da Grande Loja de Londres.

No ano de 1758 foram criados , no escocesismo, os altos graus , os 25 graus do chamado rito de Héredom , e só foi plenamente estabelecido em 1801 , em Charleston , nos Estados Unidos, do primeiro Supremo Conselho do Mundo do chamado Rito Escocês Antigo e Aceito. Na doutrina iniciática deste rito os principais pontos estão sintetizados nas instruções dos seus três Graus Simbólicos.

Embora existam variações entre as várias obediências e de país para país, as linhas mestras de doutrina são comuns e podem servir para os ensinamentos em qualquer parte do mundo.

São elas: A maçonaria é uma associação íntima de homens e mulheres escolhidos, com base no Grande Arquitecto do Universo, que é Deus; a regra é a lei Natural; as causas, são a Verdade, a Liberdade, a Fraternidade e a Caridade; os seus frutos, são a Virtude, a Sociabilidade e o Progresso; o seu objectivo e finalidade, a felicidade de todos os povos, na sua procura, incessante, em reunir sob sua bandeira de Paz.

Deste modo , nunca deixará, a Maçonaria, de existir no género humano. Os deveres de um Maçom são: ∙ Honrar e venerar o Grande Arquitecto do Universo, a quem agradece todos os dias pelas boas acções que pratica, em relação aos próximos, e os bens que lhe couberem em partilha.   ∙ Tratar todos os seres humanos como seus e iguais irmãos, sem olhar ao sexo, raça, nacionalidade e classe social. Deve combater a ambição por ambição , o orgulho, o erro e os preconceitos.   Tem o dever de lutar, sempre, a ignorância, a mentira, o fanatismo e a superstição, que flagelam e provocam todos os males que afligem a humanidade e impedem o progresso.   ∙ Praticar a justiça recíproca, como verdadeira salvaguarda dos direitos e dos interesses comuns a todos, e a tolerância, que dá, a cada um, o direito de escolher as suas opiniões e credos religiosos.   ∙ Deplorar os que erram, esforçando‐se, todavia, para reconduzi‐los ao caminho da Verdade. ∙ Socorrer osinfortunados e os aflitos.  

Esses deveres são cumpridos, porque o Maçom deve ter fé, que lhe dá a Coragem, a Perseverança, que vence os obstáculos, e o Devotamento , que o leva a praticar o Bem, mesmo com o risco de sua vida e sem esperar nenhuma outra recompensa além da tranqüilidade de consciência. O Sinal do Primeiro Grau significa a honra de saber guardar o segredo preferindo ter a Garganta cortada , a revelar os Mistérios da Ordem;deve – se ler não literalmente , mas sim , como simbólicamente como máxima lealdade . Significa também, que o braço direito, que é o símbolo da Força, está concentrado e imóvel para defender a Maçonaria, com suas Doutrinas e seu Princípios. Os passos em esquadria, representam o cruzamento de duas linhas perpendiculares, único caso em que formam quatro angulos rectos iguais, simbolizam a Rectidão do caminho e a Igualdade, um dos princípios basilares da Instituição. O candidato à iniciação consegue penetrar no Templo por três pancadas, cujo significado é : "Batendo será atendido; ao pedir receberá; procurará e encontrará. O candidato deve ser recebido numa Loja justa, perfeita e regular. Este conceito de uma Loja Justa e Perfeita, necessita de : é preciso que três a governem, cinco a componham e sete a completem. Existe um outro conceito: uma Loja é justa quando estão presentes, no mínimo, sete Mestres , e é perfeita quando o Livro da Lei está aberto sobre o Altar dos Juramentos. Uma Loja regular é aquela que pertence a uma Obediência Maçónica regular e reconhecida. A maçonaria é composta e feita por homens , portanto humanos e consequentemente não perfeitos . Há homens que se dizem maçons para poderem fazer acções pouco dignas da maçonaria . Como em todo o lado , há quem conspurca os seus valores e ideais . Não generalizemos esses actos , tomando – os como regra .

cyberjornal, 2 Março 2017

Para inserir um comentário você precisa estar cadastrado!