Textos entre o esquadro e o compasso - A Mestria

maconpentagrama1Por: HD

 

O conceito geral de Mestre , é de alguém que ensina ou orienta , que sabe muito . Outros dicionários conceitam – o em alguém muito versado ou perito numa arte . Na maçonaria , é o terceiro e ultimo grau, a seguir ao grau de companheiro . também este grau dá ao seu titular a plenitude dos seus direitos maçónicos .

Tem a idade simbólica de 7 anos, e também tem um aumento de responsabilidade nos deveres que a maçonaria lhe confere .

O terceiro grau, baseia –se na lenda do mestre Hiram Abiff , e é uma lenda duplamente simbólica , pois oculta a Grande verdade do grau . A construção do Templo , é a construção do Homem , do Mestre . É esta a Grande verdade . A construção dum corpo , guiado e educado pelo Espirito . Este tem duas grandes linhas de orientação : a Verdade e a Virtude . este Templo é o modelo do corpo humano , em busca da sua perfeição . Nele existem dua colunas , ou as duas pernas de bronze ocas ; e determinou três zonas especificas : os aprendizes , também designados como átomos construtores ,ficam e vivem na coluna da esquerda , a coluna passiva. Os companheiros ficam e vivem na coluna da direita , a coluna positiva . os mestres estão no mundo interno e secreto , na câmara do meio , que se encontra por dentro e acima dos dois . Os três mestres de obra para ajudarem Hiram , simbólicamente representam a sabedoria , a força e a beleza . Foram elas que construíram e coordenaram a construção do Templo e Corpo . Como Templo de Deus , estavam imbuidos da Trindade Divina : o Pai , o Poder , o Filho , o Saber e o espirito Santo , a vida em movimento. Os três companheiros que assassinaram Hiram, representam os vicios humanos : a ignorância, medo e ambição . O homem é morto por eles . Esta lenda tem um significado multiplo: o Eu Superior é Hiram, o sol; o Espirito Divino encontra – se dentro do corpo do homem , do Templo , e é o ideal do homem , o Homem Deus . Segundo a lenda existiam nove mestres que representavam : os primeiros três , a , a Esperança e o Amor . Os outros seis : Percepção , Conhecimento , Associação , Juizo , Altruísmo , Memória ,Vontade , Ordem e Acerto . O templo tem 4 pontos cardeais , o oriente , o ocidente , o norte e o sul. O corpo humano , como templo que é também os tem : e cada ponto cardeal tem igualmente o seu grau maçónico : a Cabeça , simboliza o 3º grau , o Amor e o Oriente , o Tórax , representa o 2º grau , a Esperança e por ultimo o Ventre , é o simbolo do 1º grau , a Fé . cada grau tem o seu sinal , e o de mestre , que é o esforço constante do seu trabalho . o mestre tenta dominar os seus instintos . Tem sua palavra de Passe . Ainda não foi definido uma unica interpretação para esta palavra . O toque de mestre tem o significado dos cinco pontos da perfeição , que complementam a comunicação da palavra : solidariedade , progresso ,reverencia , aspiração e um ideal sublime . A palavra sagrada, segundo a magia do verbo , significa a Morte Iniciática da Matéria , engrenda o Filho.

A Palavra perdida é vivificadora , é o verbo Criador , perdida desde o pecado original . O mestre necessita , como um obreiro que se preza ferramentas para trabalhar . E para o seu trabalho , O mestre tem á sua disposição instrumentos, e a sua liberdade e a sua flexibilidade caracterizam o mestre , contrastam com a rigidez dos mesmos: a corda, a régua de vinte e quatro polegadas, o malhete e o cinzel , o esquadro e o nivel , o fio de prumo , o lápis e o compasso . O mestre trabalha a corda , perfeitamente flexivel , e depois de estar decidido qual a direção a seguir , tem um limite , que tem que ser respeitado . O lápis , simboliza a máxima Liberdade . O mestre pode criar a partir dele , os projectos que quiser , uma das caracteristicas do mestre , é ser ele a definir os seus limites .

O compasso , é o simbolo considerado o mais maravilhoso da Franco – Maçonaria , o mais livre de movimentos , e o mestre com estes três instrumentos faz o seu trabalho maçónico. O mestre marca o rumo da sua vida humana , o seus objectivos . Para isso a sua postura e conduta humana , precisa de procurar a sua auto – perfeição , nos caminhos da virtude e da rectidão de si mesmo . Este trabalho perpétuo e individual , é um exemplo para os aprendizes e companheiros , e incita os mesmos a seguirem – no , não perdendo eles a sua própria individualidade . Se isto acontecer , poder – se –á afirmar que o mestre fez maçonaria .

 

 

 

 

 

cyberjornal, 29 março 2019

Para inserir um comentário você precisa estar cadastrado!