Vestir as árvores… na Marinha Grande!

MGtapete1Por: José d’Encarnação

 

 

 

De muito louvar todas as iniciativas tendentes a mostrar aos jovens que, afinal, somos cidadãos do Mundo e que cada país tem uma identidade a respeitar, por nela se consubstanciar toda uma memória a enriquecer.

Tanto a imaginação dos docentes como a dos estudantes não têm limites – não podem ter limites! – para o incremento dessa mui importante consciencialização.

 

MGTapetes

 

No caso da Escola Calazans Duarte, da Marinha Grande, que tem, por exemplo, uma publicação mensal – o P&V (Ponto & Vírgula) – aberta à colaboração de professores e de alunos, essa dimensão universal ganhou asas.

Para já, o P&V de Março foi dedicado à Lusofonia e teve direito a ser suplemento do jornal local, com artigos sobre as sete partidas do Mundo por onde andaram portugueses.

E foram mais além: vestiram hoje seis árvores no jardim da Escola com mantéis feitos com bandeiras em croché de 26 países – como as imagens documentam!

Uma obra deveras singular, emotiva, em que toda a Comunidade Escolar briosamente se empenhou!

Parabéns!

 

 

 

 

 

 

 

cyberjornal, 2 abril 2019

Para inserir um comentário você precisa estar cadastrado!