Mês da Cultura Tauromáquica em Azambuja

AzambujafeiraEstá a arrancar  a XIX  edição  do Mês da Cultura Tauromáquica em Azambuja, que culminará, como tem sido tradição nos últimos 18 anos, com a realização da Centenária Feira de Maio e decorre de 1 a 28 de Maio.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

As atividades programadas terão início no dia 1 de maio com quatro propostas a marcar o arranque do evento.

Às 11 h  haverá equitação para todos, na Várzea do Valverde, e às 15 h, no mesmo local, um torneio triangular de horseball, organizados pelo Centro Hípico Lebreiro de Azambuja. Quando forem cinco da tarde, no espaço do restaurante Páteo Valverde abrirá ao público uma exposição de fotografia intitulada “Forcados”, com trabalhos de Mónica Santa Bárbara, numa organização da Associação Poisada do Campino. A mesma coletividade convida todos os aficionados a participar num colóquio sobre "A importância dos Maiorais Reais na festa", pelas 21.30 no salão da Poisada do Campino.

No dia 05 de maio, destaque para a inauguração de mais uma exposição, esta de pintura e fotografia - "Um olhar sobre a Lezíria", a visitar de terça-feira a sábado, na Galeria da Biblioteca Municipal de Azambuja; ainda para o jantar-palestra "A Tauromaquia - a arte das artes" (no restaurante O Picadeiro), e para uma exibição de recortadores, na Praça de Toiros Dr. Ortigão Costa.

As quintas feiras deste mês de maio serão animadas por um ciclo de cinema subordinado à tauromaquia, na sala do Centro Comercial "Atrium Azambuja", com a rodagem dos seguintes filmes, dia 03 "Sangue toureiro"; dia 10 "Matador"; e dia 17 "Manolete".

Os serões de 11 e 12 estão reservados a colóquios-debate, respetivamente, sobre a bravura dos toiros de lide - na Poisada do Campino, e a tauromaquia e a religião - no Club Azambujense. No dia 18, novo jantar-palestra, desta feita em homenagem à dinastia Salgueiro.

Momentos de música e dança, no dia 04 "Maio en fiesta" - sevilhanas e flamenco no auditório do Centro Parquial de Azambuja, e no dia 19, à tarde dança e flamenco, no salão dos bombeiros, e à noite festa rociera, na Poisada do Campino.

Na véspera das grandes emoções da feira de maio, a União de Tertúlias de Azambuja organiza, dia 23, um “Encierro” de vacas, nas ruas da vila. A noite terminará com um espetáculo de Flamenco, com o grupo “Al Compás”, no Largo de Palmela.

As diversas iniciativas do programa deste mês são organizadas pelo Município de Azambuja em parceria com a Tertúlia “Festa Brava”, a Associação Cultural “A Poisada do Campino”, o Centro Hípico Lebreiro de Azambuja, Alunos de Apolo de Azambuja e a União de Tertúlias de Azambuja.

Chegados ao final do mês,... aí estará mais uma edição da Centenária Feira de Maio, a encerrar em grande o XIX Mês da Cultura Tauromáquica!

De 24 a 28 de maio de 2018, renova-se e revive-se a tradição: Azambuja, sempre de braços abertos para todos, com a feira mais castiça do Ribatejo!

 

 

 

 

 

CMA/cyberjornal, 29 Abril 2018

Para inserir um comentário você precisa estar cadastrado!