Doçaria regional em destaque no “Doce Vouzela”

Vouzeladoce2014pp

 

 

 

Vouzela recebeu, nos dias 26 e 27 de julho, a sexta edição do Festival de Doçaria “Doce Vouzela, num certame que é já um marco no calendário dos eventos gastronómicos da região e que contou este ano com a presença de 17 produtores de Lafões.

 

 

 

Vouzeladoce014ppDurante dois dias passaram pela vila de Vouzela várias centenas de pessoas motivadas pelos doces tradicionais e pelas propostas musicais e não só, com destaque para os espetáculos dos Fura Fura no sábado e do grupo “Us sai de gatas” no domingo, bem como do III Encontro de Colecionadores de Pacotes de Açúcar, que este ano reuniu em Vouzela 60 colecionadores vindos de todo o país.

Novidade neste ano foi a apresentação de mais um vinho branco, o S. Frei Gil DOP Lafões, produzido na Quinta da Moitinha, em Vila Maior (S. Pedro do Sul), numa parceria entre a Câmara Municipal de Vouzela e o produtor do vinho de Lafões, António Costa.

Na tarde de sábado foi também lançado o projeto Vouzela Geotour, uma novidade nos circuitos turísticos propostos pela autarquia e que pretende promover o património natural do concelho. Trata-se de uma caça ao tesouro dos tempos modernos feita com recurso a recetores de GPS.

Segundo o Técnico de Turismo da autarquia, António Martinho, “a ideia base do jogo é dirigir-se até umas coordenadas específicas e encontrar o tesouro (geocache) escondido nesse local, aí estarão guardadas uma ou várias lembranças. Se o visitante retirar alguma lembrança do tesouro é-lhe pedido que deixe algo em troca. O tesouro contém ainda um livro de registos no qual o visitante poderá assinalar a sua visita e deixar uma mensagem”.

O percurso de Vouzela é composto por 10 geocaches e uma geocahe bonus.

Na mesma altura foi também inaugurada a exposição “EN333:Estrada dos V's, Vagos e Vouzela”, no átrio do Auditório Municipal 25 de abril. A exposição, da autoria de Carlos Rodrigues, diretor do Notícias de Vouzela, pretende valorizar e promover uma rota que dá a conhecer os marcos históricos do trajeto original da EN333, que liga os concelhos de Vagos e Vouzela.

O Festival de Doçaria contou também com o workshop “Oficina do Doce para miúdos e graúdos”, dinamizado pela Escola Profissional de Vouzela.

No domingo decorreu ainda o “Circuito 3 Torres” que contou com a participação de várias dezenas de carros clássicos e que deu a conhecer as torres medievais de Alcofra, Cambra e Vilharigues.

Os mais novos também não foram esquecidos, tendo a autarquia disponibilizado, durante os dois dias, um espaço com insufláveis e animação infantil.

 

 

CMV/cyberjornal, 31 julho 2014

Para inserir um comentário você precisa estar cadastrado!