Reabriu Fortaleza da Nossa Senhora da Luz

CascaisFNSLuz2014pp2Na manhã de 7 de Junho e no âmbito das comemorações de “O Dia do Município”, em Cascais, procedeu-se à reabertura da Fortaleza da Nossa Senhora da Luz, que esteve encerrada durante décadas. Após terem sido efectuadas algumas prospecções e obras de recuperação, este imóvel de interesse público, unanimemente considerado um dos mais relevantes patrimónios edificados em Cascais abriu as suas portas, numa visita guiada pela Drª Margarida Magalhães Ramalho, na qual participaram o edil cascalense, Carlos Carreiras, diversos outros autarcas e inúmeros cidadãos.

 

 

 

 

CascaisFNSLuz2014ppRecorda-se que a Fortaleza de Nossa Senhora da Luz está localizada em posição dominante na enseada de mesmo nome, na margem direita da foz do rio Tejo, na vila de Cascais. Integrada na Cidadela de Cascais, ambas as estruturas fazem parte dos fortes militares construídos entre os séculos XV e XVII para defesa da costa e da entrada do Tejo.

A Torre de Cascais, que terá tido a evocação de Santo António, foi mandada construir em 1488, por D. João II, devido à necessidade de obstar as incursões frequentes da pirataria inglesa, francesa e moura e de tornar mais eficaz a defesa de Lisboa.

Em 1580 as tropas espanholas comandadas pelo duque D'Alba tomaram a fortaleza de Cascais. Posteriormente, Filipe II, quis apagar a fragilidade demonstrada por este ponto defensivo, mandou-a restaurar.

CascaisFNSLuz2014pp9O terramoto de 1755 fez desabar as coberturas e os vários pisos da torre, salvando-se só as paredes mestras, devido à sua espessura e pelo facto de estarem amparadas em muralhas quinhentistas. Desde 1987 são efectuadas diversas campanhas de escavações no interior da Fortaleza, durante as quais foram abertos os acessos a todos baluartes emparedados há mais de cem anos e identificada toda a estrutura da torre joanina, uma torre quadrangular de três pisos à qual está adossado um edifício de planta triangular de dois pisos.

São as diversas fases desta fortaleza e as suas vivências anteriores que ora nos são reveladas, após as últimas intervenções efectuadas.

Visitas

Horário de Verão: Junho 2014 – de terça a domingo, das 10 h. às 18 horas.

Julho. Agosto e Setembro 2014, de quinta a domingo, das 10 h. às 19 horas.

 

 

 Ver mais imagens: https://www.facebook.com/media/set/?set=a.699225943467549.1073741952.171996492857166&type=3

 

cyberjornal, 8 junho 2014

Para inserir um comentário você precisa estar cadastrado!